Dor no estômago frequente: o que pode ser?

estomago-dr-quelson-coelho

A dor do estômago é um sintoma muito comum que pode ocorrer tanto sozinho como acompanhado de outras sensações. As causas desse problema são muito vastas e, por isso, é preciso bastante cuidado e investigação por parte do médico.

De forma geral, não é preciso se preocupar com o aparecimento das dores no estômago, a não ser que venham acompanhadas de sintomas mais graves ou caso se tornem muito frequentes na vida de um paciente.

Esse é o seu caso e deseja descobrir quais podem ser as causas de uma dor no estômago muito recorrente? Continue a leitura!

___

Possíveis causas para uma dor de estômago frequente

1. Gases

Os gases são fruto de dificuldades na digestão dos alimentos, causadas tanto pelo consumo excessivo de certos tipos de comida quanto pela presença de bactérias no estômago. Também podem ocorrer quando o paciente sofre de gastrite.

2. Gastroenterite

Quando a dor no estômago é muito recorrente e surge acompanhada de febre, calafrios, diarreia e vômitos, é indicado ir para o pronto-socorro o mais rápido possível. Afinal, pode ser um caso de gastroenterite aguda.

3. Pancreatite

A pancreatite é uma doença que atinge o pâncreas e que, quando não tratada, pode trazer consequências muito graves. Os seus sintomas não são muito distintos e geralmente o paciente começa a sentir dor no estômago de forma muito frequente e forte, quase que incapacitante.

São necessários exames adicionais e uma avaliação clínica para que o quadro seja diagnosticado de forma correta. O mesmo pode ocorrer com pacientes que sofrem de colecistite.

4. Gastrite

Quando a dor no estômago é frequente e aparece sempre acompanhada de azia e queimação, o problema pode estar relacionado a gastrites ou úlceras. Nesses casos, o tratamento pode ser realizado com medicamentos ou até cirurgia, acabando com o desconforto de uma vez por todas.

5. Uso de medicamentos

Pessoas que fazem o uso indiscriminado de alguns tipos de medicamento, incluindo os anti-inflamatórios também podem sofrer com dor no estômago de forma frequente. Isso ocorre porque esse tipo de medicamento remove a camada protetora do estômago. Com isso, as paredes do órgão fiquem expostas às ações dos ácidos da digestão.

6. Gravidez

Durante a gestação, é comum que as mulheres sintam dor no estômago de forma persistente, já que todo o processo de digestão dos alimentos fica prejudicado devido ao crescimento do feto. Além disso, é comum que sofram com o excesso de gases, também outro fator que causa esse tipo de desconforto.

De qualquer forma, o melhor a se fazer em caso de dor no estômago muito frequente, é procurar auxílio médico o mais breve possível. Somente uma avaliação completa incluindo exames adicionais será capaz de diagnosticar quais são as reais causas de uma dor no estômago que não passa. Com isso, o médico irá indicar qual é o melhor tratamento para a retomada de uma vida normal.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto.

___

Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como gastroenterologista em Belo Horizonte!

Omeprazol causa demência?

Cirrose tem cura? Descubra aqui.

Intolerância ao leite: sintomas e tratamento

Tire suas dúvidas sobre Hepatite C Crônica

Intolerância à Lactose: Tudo que você precisa saber

Hérnia de Hiato: sintomas, diagnóstico e tratamento

7 sintomas de gastrite crônica

___

Fonte: www.webmd.com

Artigos Recentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *